Facilitação de infra-estruturas

Estabelecer uma infra-estrutura fundamental

O crescimento das empresas depende da implementação de elementos básicos. Ao estabelecer uma infra-estrutura fundamental, os governos podem ajudar os seus países a alcançar o seu verdadeiro potencial de investimento e, desse modo, assegurar que o crescimento económico é duradouro e auto-sustentável.

Projecto de reforço da capacidade municipal

O ICF está a trabalhar com o Anglo American South Africa (AASA) e o Banco de Desenvolvimento da África do Sul (Development Bank of Southern Africa, DBSA) para reforçar as capacidades de cinco municípios, permitindo que os mesmos melhorem a prestação de serviços básicos na sua área. O objectivo passa por tornar os cinco municípios mais atractivos ao investimento por parte de empresas, criar empregos e melhorar a economia local. Os municípios são Thabazimbi, Mogalakwena e Greater Tubatse, na província do Limpopo, e Rustenburg e Moses Kotane, na província Noroeste

No final do projecto, espera-se que ocorra uma redução no número de reclamações e pedidos relacionados com a prestação dos serviços, a diminuição para metade dos protestos relacionados com a prestação dos serviços e uma melhoria na percepção geral das empresas em relação à prestação dos serviços municipais locais.

Privatizações e parcerias público-privadas

O ICF e o Banco de Desenvolvimento Africano estão a financiar o Governo de Cabo verde para aumentar o crescimento económico e reduzir o fardo de dívida pública em Cabo Verde, privatizando empresas públicas seleccionadas e aumentando a participação do sector privado nos principais sectores estratégicos. O projecto colocará em funcionamento a unidade de privatizações e parcerias público-privadas, fornecendo à mesma apoio jurídico, regulamentar e institucional.

Espera-se que as privatizações e as parcerias público-privadas estimulem investimentos do sector privado na prestação de serviços públicos, como os transportes, a água e a electricidade. Também se espera que o envolvimento do sector privado melhore a qualidade destes serviços e contribua para uma transferência mais abrangente de conhecimentos, tecnologia e competências de gestão.

Grupo de Trabalho do Sector da Electricidade

O ICF está envolvido na prestação de apoio aos governos para dar resposta ao crescente défice ao nível da capacidade de geração de electricidade em muitos países africanos. O ICF procura levar a cabo intervenções específicas que irão remover obstáculos e facilitar novos investimentos bem-sucedidos no sector da electricidade em África.

Reconhecendo que os obstáculos ao investimento acelerado são frequentemente sistemáticos, o Grupo de Trabalho do Sector da Electricidade procura levar a cabo várias intervenções que irão ajudar à melhoria das políticas, dos enquadramentos regulamentares e de planeamento, bem como das directrizes relativas à apresentação de propostas, adjudicação e contratação no sector da electricidade.

Ruanda »

Rwanda Energy and Power Sector in Rwanda

ICF worked with the Government of Rwanda to strengthen the Government’s ability to bid, contract and negotiate with the private sector in order to reach fair and beneficial terms and conditions on power generation projects.  The project built both human and institutional capacity to manage, procure, negotiate, monitor and implement energy sector projects in all sector relevant institutions.  

A total of 262 Rwandans in the energy sector and 50 graduate engineering students were trained, enhancing the capacity of the Ministry of Infrastructure and related energy institutions. Training was provided in the areas of tariff setting and financial modelling, hydropower plant maintenance, contract negotiation and management, and Geographical Information Systems. 

Several strategic studies were completed with policy and practical implications. These include the Electricity Access Study, the Electricity Tariff Study, the Geothermal Development Study, and the Hydropower Strategy. A Lake Kivu monitoring team was established to monitor methane stability and do surveillance of the Lake Kivu ecosystem parameters. It has also developed an institutional framework for the bilateral management of the methane resource.

Parcerias público-privadas

O ICF e o Banco de Desenvolvimento Africano estão a apoiar o Governo das Seicheles no desenvolvimento de um enquadramento legal, regulamentar e operacional abrangente para parcerias público-privadas (PPP) como meio de estimular o desenvolvimento do sector privado, e para apoiar a capacidade do governo de alavancar recursos para o desenvolvimento de infra-estruturas e a prestação de serviços públicos. Isto inclui fornecer regras claras para os futuros investidores, bem como a criação de novos métodos de financiamento e adjudicação para o desenvolvimento de infra-estruturas que incentivem o investimento privado.

Transfer do aeroporto

O ICF está a trabalhar com o Governo de Serra Leoa para melhorar as ligações para os passageiros aéreos entre Freetown e o Aeroporto internacional em Lungi, a 176 km de distância. A viagem pode demorar até sete horas por estrada e os métodos de transporte alternativos são dispendiosos e não são fiáveis.

O projecto destina-se a estabelecer serviços seguros e fiáveis de transferes entre Freetown e Lungi e a reduzir o tempo e custo associados ao transfer do aeroporto. Espera-se que o tempo de um transfer para o aeroporto antes do check-in por barco ou helicóptero demore no máximo 2 ou 1 hora, respectivamente. Adicionalmente, será estabelecido um enquadramento regulamentar e administrativo para permitir ao sector privado participar no fornecimento de transporte. 

Tanzanie Movement of goods

ICF worked with the Government of Tanzania to ease the movement of goods and services along the highway from the port of Dar es Salaam in Tanzania to Rusumo on the Tanzanian border with Rwanda.

The project set up a secure online query system that enables the Tanzania Police Force (TPF), Tanzania Revenue Authority (TRA) and the Tanzania Roads Agency (TANROADS) to share information and perform real time verification of documentation. The secure online query system is accessible from 300 handheld devices used by the police. A total of 300 police officers were trained.

Partilhar esta página
Recursos
Navegue pela nossa biblioteca de recursos, os quais estão à sua disposição para transferir e visualizar.
Mapa de actividades
Utilize o nosso mapa interactivo para seguir todos os nossos projectos e actividades no continente africano.
Candidaturas a projectos
Veja e transfira os nossos formulários de candidatura a projectos, bem como as nossas directrizes de adjudicação.